Avançar para o conteúdo principal

Os CRIMINOSOS têm rosto e "sotaque"



Comunicado do Sporting denuncia tentativas de desestabilização por parte do FC Porto.

«- Vários sportinguistas foram agredidos nas imediações do estádio do dragão. Ao invés do clube da casa repudiar totalmente estas atitudes, como esta Direcção já o fez em situações similares, começou a circular um rumor de que um grupo de sportinguistas teria provocado desacatos, facto ainda não confirmado, que “justificaria” tais atitudes bárbaras e inqualificáveis. Até ao momento, ao serem vistas as imagens televisivas e fotográficas disponibilizadas, verificou tratar-se de um conjunto de pessoas onde as únicas que se conseguem identificar são do clube da casa;

- Antes do início do jogo tentaram impedir-nos de verificar a integridade das cadeiras (no nosso sector), permitindo que posteriormente eventuais estragos nos fossem indevidamente atribuídos;

- Até ao início do jogo foi passada a informação de que os elementos do staff da nossa equipa (Segurança, Assessor de Imprensa e Oficial de Ligação aos Adeptos) teriam lugar na bancada atrás do banco de suplentes da nossa equipa. Ao invés, no início do jogo vedaram-lhes o acesso, colocando-os numa sala somente com cadeiras e sem televisão;

- Além da falta de condições da sala do Staff, os ARD`s (Stewards) impediram-nos de sair e circular nas zonas autorizadas, contrariamente ao regulamentarmente definido;

- Na sala de treinadores retiraram tudo que lá estava (televisão e mesas) deixando apenas os cacifos e três cadeiras;

- Na entrada para o estádio deixaram, primeiramente, entrar pequenos grupos de adeptos do nosso clube. Posteriormente retardaram a entrada dos restantes adeptos, fazendo com que muitos apenas tivessem acesso ao jogo já passados 30m do apito inicial;

- Autorizaram uma das nossas claques a entrar com uma faixa para a bancada. Já dentro do estádio, sem nenhuma razão para tal suceder, os ARD´s procederam a sua remoção à força, provocando um tumulto que resultou em feridos ligeiros. A razão invocada para este acto descabido foi que a referida faixa continha a expressão “bimbolândia”, o que era falso. Quando os membros da claque abriam a faixa para mostrar o que realmente estava inscrito (o provérbio chinês "mete-os sobre tensão e cansai-os") esta foi selvaticamente retirada pelos ARD’s. Com efeito, toda esta atitude poderia resultar num acto deliberado para provocar os nossos adeptos e posteriormente os culpabilizarem;

- Em simultâneo, os ARD’s tiraram uma bandeira à Juve Leo, rasgando-a e entregando a mesma a uma claque da equipa adversária (Colectivo);

- Durante o aquecimento da nossa equipa, as bolas que iam para a bancada desapareciam. Na primeira fila estavam quatro adeptos da equipa da casa devidamente instruídos para passarem as bolas entre si e depois passarem a um quinto elemento que na fila atrás roubava a bola, levando-a consigo. Isto tudo com total conivência dos ARD`s que ali assistiam impávidos e serenos;

- Deixaram a manga de acesso do balneário ao relvado recolhida, à face das bancadas, facilitando agressões verbais e arremesso de objectos ao Presidente do Sporting Clube de Portugal, contrariamente ao acordado entre as Seguranças dos dois Clubes;

- Nas bancadas foram colocados vários cartazes (com acabamento gráfico profissional e por isso de acesso altamente questionável) exibidos por adeptos da equipa da casa, com frases provocatórias dirigidas ao Rui Patrício enquanto guarda-redes da Selecção Nacional. Sabendo-se que há proximamente um play-off importante para a nossa Selecção, esta atitude demonstra uma mesquinhez regional, não compatível com o Século XXI em que vivemos, e como tal um desrespeito por Portugal;

- O nosso assessor de Imprensa foi impedido de permanecer na bancada de Imprensa, após lhe ter sido permitida a entrada e comunicado que ali poderia ficar durante o jogo;

- No final do jogo, junto à entrada da zona técnica, estiveram oito colaboradores da equipa da casa, que por várias vezes insultaram pessoas do nosso Staff, até à saída do autocarro;

- Jornalistas coagidos, nomeadamente dos três jornais desportivos foram empurrados por ARD’s. Um deles, só por ter questionado o porquê daquele inqualificável tratamento, foi de forma violenta imediatamente despojado da credencial do jogo e colocado na rua;

Há coisas na vida que nunca mudam, a nobreza de carácter é uma delas, ou se tem, ou não. Por mais “riqueza” que ostentem, os pobres de espírito sempre o serão. O complexo de inferioridade demonstrado por todas estas atitudes é totalmente incompatível com um clube que para além de títulos quer ser grande, pois a grandeza é muito mais do que o vencer. A grandeza é vencer, é saber vencer, é saber perder, é saber estar, algo que não está ao alcance de todos.»


Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post
Comentários Facebook

12 comentários blogger

  1. Não tenhamos pena destes adeptos do Sporting, ditos Casuais. Mereceram a tareia. Quiseram armar-se em valentes, e saíram de lá com o rabo entre as pernas. Eles também não respeitam os benfiquistas. Vivo no Porto, e conheço pessoal que "molhou a sopa" nos sportinguistas, e que dizem que só não os lincharam, porque a policia os impediu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bem, anónimo como devem ser todos os cobardes....

      Triste....

      Eliminar
  2. Aquele é o "macaco"? Parece o Raul Meireles... Andará a fazer operações plásticas?

    ResponderEliminar
  3. uma coisa é certa..perante a inércia das autoridades..isto só acaba quente esses porcos provarem do próprio veneno!

    JB

    ResponderEliminar
  4. Amigos eu defendo o flair play mas adeptos como os ditos casuais, merecem muito mais que estas e so se perderam as que cairam no chao!! pois voces falam apenas do que viram no video esterior mas poucos foram os que viram o caos que causaram dentro e nas imediaçoes do Dolce Vita nao poupando crianças e idosos ao caos que ai criaram... So que se esqueceram que os provincianos como nos chamam nao brincam e esqueceram se que dentro do GALINHEIRO nao é a mesma coisa que na SELVA de cá de fora... foram poucas e boas mereciam muitas mais....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. acho estranho que os gajos de preto não ataquem ninguém! Pelas imagens do video, apenas se defendem! se eram assim tão maus....

      Eliminar
  5. E continuam a passar-se coisas inqualificáveis sem a devida resposta das autoridades desportivas e civis! Em que País civilizado um árbitro levava porrada e não se passava nada? Não falo deste jogo mas de alguns passados!

    ResponderEliminar
  6. http://colossalbenfica.blogspot.pt/2013/10/confrontos-porto-sporting-impunidade-do.html

    ResponderEliminar
  7. grupos esses do sporting que se encontram extintos há anos

    ResponderEliminar
  8. é muito giro proibir os putos de andar de skate e patins porque sujam fazem barulho e ??atraem as drogas?? mas proibir o futebol pelo mal que faz ao país, ta quieto... Futebol é violencia no desporto e na rua. Futebol é o simbolo da corrupção nacional e que ocupa mais de metade dos media... revistas televisão tudo comprado ( e não me venham com a treta de não é tudo assim... tem se observado) pelos vistos os outros desportos só vão a algum lado quando começarem a ter um tempo de antena desta mesma qualidade que o futebol oferece... um jogo de hoquei (mesmo tendo paus e manteiga nos pes não produz tanta violencia

    ResponderEliminar
  9. Eu sempre gostava de ver os No name Boys a fazerem um minuto de silencio pela morte de um dirigente do Porto, como fizeram os super dragoes pelo Eusébio!!!!

    ResponderEliminar

Publicar um comentário



SIGA-NOS

Mensagens populares

Coação: FCPorto deveria ter descido de divisão

Em entrevista ao Sol, o antigo presidente da Liga de Clubes, Hermínio Loureiro, denuncia pressões do FC Porto para “correr” com Ricardo Costa da Comissão Disciplinar. (22-05-2010)
«Fizeram-me a vida negra»A pergunta do jornalista Luís Rosa: “Valentim Loureiro ou Pinto da Costa nunca lhe disseram para controlar o que Ricardo Costa (presidente da Comissão Disciplinar da Liga) andava a fazer?”

A resposta: “A única pessoa que me falou do Ricardo Costa foi o Adelino Caldeira, vice-presidente do FC Porto, a 3 de Setembro de 2008, num almoço no restaurante Lusíadas, em Matosinhos. Ele foi clarinho e apreciei a frontalidade. Disse-me: "Meu caro, ou você corre com o Ricardo Costa e tem a vida facilitada ou vamos fazer-lhe a vida negra". Certo é que não mudei a orientação de total autonomia que dei desde o início à Comissão Disciplinar. Desde esse dia que percebi que me iam fazer a vida negra e fizeram.


Rui Santos: «O FC Porto não terá descido de divisão porque Hermínio Loureiro não q…

Pinto da Costa arrasado em directo

Neste video, Júlio Machado Vaz e Rui Oliveira e Costa, em resposta às declarações de Pinto da Costa na Afurada, colocam os "pontos nos is" relativamente à caluniosa tentativa de ligar o Benfica a qualquer Regime.




Play/Pause (não vale roubar o video!)
O Benfica é um clube centenário no qual a Democracia interna sempre existiu e sobreviveu, até mesmo no tempo em que ela não existiu no país (1926-1974) e em períodos conturbados da nossa história.

O SL Benficateve na sua Direcção homens como: Cosme Damião, Félix Bermudes, Manuel da Conceição Afonso, João Tamagnini Barbosa e Borges Coutinho, notórios democratas, homens de esquerda, sindicalistas e activistas. O Benfica, em 33 Presidentesda Direcção, apenas teve um ligado ao Estado Novo: Mário Madeira.

No FC Porto é uma chusma deles ligados ao Fascismo! Presidentes da Direcção e em promiscuidade com cargos como deputados da União Nacional:
Urgel Horta Ângelo César Augusto Pires de Lima Cesário Bonito Júlio Ribeiro Campos Para lá de…

Calúnia é crime! Isto não pode passar em claro

A propaganda nazi tinha uma máxima: "é necessário repetir mil vezes uma mentira que acosse o inimigo, para que ela se torne verdade". Era o que dizia o senhor Goebbels, o sinistro ministro da propaganda de Hitler. Pinto da Costa, há anos que lê da mesma cartilha e usa os mesmos métodos.

Ora, os dragões, têm referido repetidamente que o Benfica ganhava no passado porque era "o clube do Regime" e agora o seu Chefe, intrujão, chegou ao desplante de dizer que era "o clube do Fascismo"! A calúnia é crime, meus senhores, e o Benfica devia pôr um processo a este senhor por difamação!

Fascismo (e FCP) Nunca Mais!

Pinto da Costa na Afurada



Play/Pause
Então não é que o FC Porto fundou o Estádio das Antas (anterior ao do Dragão) simbolicamente a 28 de Maio, dia da implantação do que viria a ser o Regime Salazarista, enquanto o Benfica inaugurou o seu no dia 1º de Dezembro, dia da Independência, e começou, aliás, com o Desfile dos operários?

Então não é que o FC Porto…

«Nas Antas, até as mulheres dos dirigentes do FCP batiam nos árbitros»

A verdade sobre as Antas - um altar de medo, coacção e violência!
Nós temos memória



Arrepiante testemunho de alguém que, enquanto jornalista, fez cerca de 500 jogos no velho Estádio das Antas.
No célebre Porto 0, Benfica 2, (dois golos do César Brito), o árbitro Carlos Valente levou dois estalos da mulher do Reinaldo Teles, no túnel.
"O túnel das Antas - esse túnel tenebroso onde se simulava a sodomização dos árbitros e que foi um altar de medo, coacção e violência".





Foi Pedroto que criou o «caso Calabote»

FC Porto: Mestres da mentira! Gente sem vergonha que enxovalha tudo e todos!
Foi José Maria Pedroto que criou o «caso Calabote» em final dos anos 70 para responder a quem dizia que o FC Porto estava a ser escandalosamente beneficiado nos campeonatos nacionais de 1977/78 e 1978/79.



Durante 20 anos ninguém se lembrou de Calabote, porque nesse ano (1959) nada se passara e o FC Porto foi campeão. Em 1977, quando o Benfica começou a contestar os favores (descarados) ao FC Porto nesse campeonato de 1977/78, o treinador do FCP, José Maria Pedroto (tal como o jogador António Oliveira), respondiam sempre da mesma forma: "O que vocês queriam era o Calabote!".

E como já ninguém se lembrava do que se passara, foi fácil enganar as pessoas, até porque ele (eles) não diziam a que jogo se estavam a referir. 
Foram alguns - principalmente Pôncio Monteiro - que começaram a inventar, dando a entender que o Calabote beneficiava o Benfica em todos ou em muitos jogos: penáltis a favor e nenhum contr…