JAVARDICE na Assembleia da República - Master Groove
Avançar para o conteúdo principal

JAVARDICE na Assembleia da República

Pinto da Costa recebido no local certo!

"O centro da corrupção está na Assembleia da Republica" 
diz, Paulo Morais


É ridícula de causar aneurismas esta mania de meia-dúzia de funcionários da Nação, eleitos pelo povo, receberem numa casa que não é deles e sim de todos nós um figurão cuja simples chipala consegue provocar vómitos em catadupa a qualquer pessoa de bem (que são cada vez menos, como está cientificamente comprovado). Podemos encarar essa festarola de estúpidos com uma mais do que justificada repugnância ou com um forçado sentido de humor, talvez a opção mais indicada para uma palhaçada do género.

Em primeiro lugar, o maior responsável por esta teimosa Grande Bambochata é o próprio povo português, proprietário de direito de um palácio que se quereria frequentado por pessoas mais preocupadas em trabalhar do que dedicadas ao absentismo, ao preenchimento de palavras cruzadas e sudoku e ao exercício de surfar na internet. É o povo português que elege tais espécimes, pelo que de que serve queixar-se depois amargamente?

Não é de estranhar que gente que durante anos andou a viajar particularmente para férias ou que se fazia acompanhar pela família, pela porteira, pela mulher a dias, pelo cão e pelo papagaio, em viagens oficiais, tudo à conta do erário público, claro está!, goste de ouvir um poema mal recitado e jantar na companhia do mentor de viagens ao Brasil para árbitros e fiscais de linha. Só falta mesmo convidar alguns agentes de viagens e tratar de escolher os destinos mais exóticos possíveis.

Há gente assim: vive tranquilamente com a sua consciência a despeito de ter as mãos untadas com as maiores trampolinices. Que sejam funcionários da Nação, pouco importa. Já nos habituámos à sua falta de carácter. E talvez valha a pena pensar nisto com calma antes de ir lá colocar o voto da próxima vez.
Agora resta escolher entre o riso e o vómito. Prefiro o riso. Foi para isso que se inventaram os palhaços.

Afonso Melo

Partilhe este artigo

Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post
Comentários
12 Comentários

Comentários Blogger

  1. Eu só quero saber é QUEM paga a conta! Do jantar, porque da parolagem .....

    ResponderEliminar
  2. É uma vergonha esta dita democracia. Os Benfiquistas deverão fazer greva nas eleçoes e nao votar Temos força para afundar esta merda de democracia.

    ResponderEliminar
  3. esta aki uma foto fixe dos porcos fascistas- http://i48.tinypic.com/3145i85.jpg


    Ângelo César (antigo presidente do FC Porto) à esquerda, Salazar e Óscar Carmona no meio, e Urgel Horta (antigo presidente do FC Porto) à direita.

    ResponderEliminar
  4. esta presidente da republica é bom exemplo da currupçao trabalhou 10 anos como juiza e reformar-se aos 30 e poucos anos com reforma de 7500eurosos, portugueses tem de trabalhar uma vida inteira pr receber 200euros,LADROES E CORRUPTOS!!!

    ResponderEliminar
  5. Não se consegue saber e publicar os nomes dos mafiosos que foram ao repasto.
    Parece que as refeições da cantina da Assembleia da República são bastante baratas porque são subsidiadas por todos nós. Ainda fomos nós que pagámos aquela merda.
    Isto para o peidoso é uma lança em África, ainda por cima não sendo recebido na Câmara do Porto.

    ResponderEliminar
  6. Américo Mendes14 junho, 2012 23:44

    Em qualquer antro de corrupção essa coisa está como peixe na água. seja a assembleia, a residência do 1º, uns quaisquer passos de conselho, ou ainda numa sala de audiências, a vigarice mistura-se com a aldrabice e a corrupção... A sorte desses bípedes é que este povinho é mesmo "piegas"...

    ResponderEliminar
  7. A AR dos troikistas (PS_PSD_CDS)
    é realmente o reino da corrupção.

    E não é por acaso, que o corrupto-mor por lá se passeia.

    ResponderEliminar
  8. Já não é uma vergonha, porque a falta dela tornou-se banal.
    O PEIDO da costa foi beber agua benta da corrupção no local certo.

    ResponderEliminar
  9. O Dr.Paulo Morais tem toda a razão quando diz que o antro da corrupção está na AR,de facto receber uma figura "sinistra" do nosso futebol,com casos tão difundidos de corrupção,como o "Apito Dourado",é brincar com os portugueses e com aqueles que querem que a verdade desportiva impere no futebol e em todas as modalidades representativas dos Clubes.Esta homenagem que lhe fizeram partiu do sistema político que vigora há 30 anos em Portugal e quem o recebeu e não deu a cara nas fotografias só demonstra que afinal o Benfica vai ter de continuar a lutar contra tudo e contra todos.Temos a força suficiente para destruir os "sistemas" que nos andam a "roubar" há 30 anos e não vamos desistir doa a quem doer,sejam políticos ou agentes desportivos,o Benfica vale mais do que eles todos juntos.Nós somos uma grande nação e vamos estar todos atentos a este campeonato e não vamos perdoar a ninguém.Portanto que se cuidem,porque ninguém nos vai calar se continuarmos a ser prejudicados.VIVA O BENFICA e temos de descobrir quem lá esteve para em próximas eleições sabermos em quem votar.Em "tripas" nem pensar,temos alternativas várias para votar em pessoas sérias e benfiquistas.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares

Manuel Queiroz apanhado a mentir é arrasado em directo

Para Manuel Queiroz (presidente do CNID - Clube Nacional Imprensa Desportiva), o jogo Marítimo-Benfica, da época 2015/16, "foi estranho e levantou logo suspeitas porque Fransérgio jogou a ponta de lança". Entretanto, já o programa ia a meio, Queiroz recebeu uma resposta surpreendente.

imagem fonte:zerozero


Nota: Ninguém fala das poupanças do Marítimo contra o SCP (5 titulares no banco) para poderem defrontar o Benfica na jornada seguinte. 400.000 euros explicam essa estranheza. Também ninguém fala das 5 derrotas do Marítimo nas últimas 6 jornadas desse campeonato... (Rui Faria)

Verdades que as 'Virgens ofendidas' do Sporting merecem ouvir

Telespectador aviva a memória das 'Virgens ofendidas' do Sporting.



O telespectador Eugénio Matos, esta manhã no Opinião Pública SIC Noticias, disse muito do que tem de ser dito aos sportinguistas: "Todos têm responsabilidades, mas há muita gente a querer tirar o cavalo da chuva" "Agora estes senhores sofrem todos de Alzheimer?"

Francisco J. Marques, os teus e-mails são meus

Francisco J. Marques, achas mesmo que tens o direito, a legitimidade, ou apenas a moralidade para usar a minha caixa de correio electrónico, e desatar a ler os meus e-mails num programa de TV? A sério? Então por que não fazes o mesmo com a tua caixa de correio electrónico?


hseneca@exameinformatica.pt
Francisco J. Marques, os teus e-mails são meus
Como não sou exibicionista, vou poupar pormenores sobre aquilo que se pode encontrar na minha caixa de e-mail profissional:

- Alguns e-mails de pessoas que me deram informação sob anonimato;

- Um ou outro secretário de estado; e penso que até um ministro antes de o ser;

- Pouco mais de uma dezena de mensagens onde descomponho alguém que me pareceu incompetente na hora de me dar informação e um pouco mais de uma dezena de e-mails em que essas pessoas justamente me retribuem na mesma moeda;

- Alguns poemas ridículos que me hão de envergonhar até ao último torrão de terra cair sobre o meu caixão;

- Cartas para os meus filhos e para a mãe dos meus…

«Exactamente. Fomos avisados pela própria Policia Judiciária»

FC Porto, 30 anos a ganhar à custa de expedientes irregulares.  Revelações da ex-companheira de Pinto da Costa



Quem é que avisou?
"Foi um elemento da Policia Judiciária, amigo do irmão de Reinaldo Teles"

"Ele [árbitro] foi pago para o Porto ganhar e o Benfica perder. E fomos campeões."

Confissão do ex-árbitro Jacinto Paixão: "É verdade que o FCPorto nos ofereceu raparigas como era habitual fazer.."

«Não dou nenhuma credibilidade à reportagem da SIC» Rui Gomes Silva

Em seis minutos Rui Gomes Silva desmonta a peça da SIC sobre corrupção desportiva.




Rui Gomes Silva analisa a reportagem da SIC assinada pelo jornalista Gonçalo Azevedo Ferreira. No programa O Dia Seguinte, Gomes da Silva começou por dizer categoricamente: "Com todo o respeito pela SIC, não dou nenhuma credibilidade à reportagem".