A derrota das evidências | Master Groove
Avançar para o conteúdo principal

A derrota das evidências

Com tantas buscas aos domicílios encarnados, admiti sempre que não seria difícil apurar provas dos alegados crimes, se as houvesse, pois tudo estaria documentado no tráfego informático apreendido e, diziam nas pantalhas, também no que tinha sido devassado por um pirata, entretanto detido. (João Querido Manha)


A derrota das evidências

Nas últimas 24 horas, esperei que os acusadores públicos do Benfica no chamado processo e-toupeira revelassem, nos respectivos meios de comunicação, as provas que apregoam conhecer, mas que o Tribunal da Relação não conseguiu apurar para levar a SAD do clube a julgamento. Não que tivesse dúvidas de que, ao fim de mais de um ano, elas não existiam, mas porque uma acusação de corrupção devia obrigar o acusador a ser mais seguro, documentado e sério, para lá das bocas cheias de “evidências” e “suspeitas”.

Com tantas buscas aos domicílios encarnados, admiti sempre que não seria difícil apurar provas dos alegados crimes, se as houvesse, pois tudo estaria documentado no tráfego informático apreendido e, diziam nas pantalhas, também no que tinha sido devassado por um pirata, entretanto detido.
Uma coisa é Paulo Gonçalves e Luis Filipe Vieira serem amigos e terem gabinetes no mesmo corredor do estádio da Luz, dois factos sem valor penal. Outra é terem agido como criminoso e mandante ou em associação criminosa - a “evidência” que ninguém consegue provar.

A SAD do Benfica voltou a ser ilibada, como já acontecera em Dezembro, para revolta das redes sociais, onde pulsam os patriotas impolutos e detentores da verdade desportiva, a casta dos portugueses sérios, os que jogam na outra equipa e perdem geralmente por causa do árbitro e da falta de justiça.

Neste processo da alegada violação do segredo de Justiça por um assessor da SAD encarnada, tive sempre a mesma convicção: dos 30 crimes em equação, 28, os da falsidade informática, seriam descartados à partida por não poderem ser cometidos por uma entidade abstracta como a SAD e terem de depender de um autor material, nunca identificado em qualquer fase do processo.
Sobravam dois crimes: o de corrupção activa, o mais difícil de provar em toda a história criminal, não tendo mais uma vez sido apurado nada relevante do ponto de vista penal; e o da obtenção de vantagem, que dependia do anterior e também seria impossível de provar, por não existir qualquer nexo entre uma ou dezenas de violações da rede informática do Ministério da Justiça e os resultados de uma equipa de futebol.

O Benfica sai manchado pela suspeita e pela péssima imagem do trabalho de Paulo Gonçalves, mas os adversários da Justiça foram arrasados por este processo, uma vitória do Direito.


Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post


SIGA-NOS

Mensagens populares

«Não estamos a falar de um jovem coitadinho. Estamos a falar de crimes! O resto é conversa»

O pirata informático Rui Pinto!
Desmontada a tese 'Robin Pinto dos Bosques'. Limpinho!
Debate: 'O Pirata Rui Pinto' (excerto de 15 min). Com Aníbal Pinto, ex-advogado de Rui Pinto; Manuel Rodrigues; André Ventura; prof. Rui Pereira.



Video:Play/Pause
"Não estamos a falar de um coitadinho. Estamos a falar de crimes cometidos por alguém extremamente inteligente, com meios e intenção de os praticar. O resto é conversa". (Manuel Rodrigues, ex-inspector da PJ)

«Nas Antas, até as mulheres dos dirigentes do FCP batiam nos árbitros»

A verdade sobre as Antas - um altar de medo, coacção e violência!
Nós temos memória



Arrepiante testemunho de alguém que, enquanto jornalista, fez cerca de 500 jogos no velho Estádio das Antas.
No célebre Porto 0, Benfica 2, (dois golos do César Brito), o árbitro Carlos Valente levou dois estalos da mulher do Reinaldo Teles, no túnel.
"O túnel das Antas - esse túnel tenebroso onde se simulava a sodomização dos árbitros e que foi um altar de medo, coacção e violência".





Calúnia é crime! Isto não pode passar em claro

A propaganda nazi tinha uma máxima: "é necessário repetir mil vezes uma mentira que acosse o inimigo, para que ela se torne verdade". Era o que dizia o senhor Goebbels, o sinistro ministro da propaganda de Hitler. Pinto da Costa, há anos que lê da mesma cartilha e usa os mesmos métodos.

Ora, os dragões, têm referido repetidamente que o Benfica ganhava no passado porque era "o clube do Regime" e agora o seu Chefe, intrujão, chegou ao desplante de dizer que era "o clube do Fascismo"! A calúnia é crime, meus senhores, e o Benfica devia pôr um processo a este senhor por difamação!

Fascismo (e FCP) Nunca Mais!

Pinto da Costa na Afurada



Play/Pause
Então não é que o FC Porto fundou o Estádio das Antas (anterior ao do Dragão) simbolicamente a 28 de Maio, dia da implantação do que viria a ser o Regime Salazarista, enquanto o Benfica inaugurou o seu no dia 1º de Dezembro, dia da Independência, e começou, aliás, com o Desfile dos operários?

Então não é que o FC Porto…

Pinto da Costa arrasado em directo

Neste video, Júlio Machado Vaz e Rui Oliveira e Costa, em resposta às declarações de Pinto da Costa na Afurada, colocam os "pontos nos is" relativamente à caluniosa tentativa de ligar o Benfica a qualquer Regime.




Play/Pause (não vale roubar o video!)
O Benfica é um clube centenário no qual a Democracia interna sempre existiu e sobreviveu, até mesmo no tempo em que ela não existiu no país (1926-1974) e em períodos conturbados da nossa história.

O SL Benficateve na sua Direcção homens como: Cosme Damião, Félix Bermudes, Manuel da Conceição Afonso, João Tamagnini Barbosa e Borges Coutinho, notórios democratas, homens de esquerda, sindicalistas e activistas. O Benfica, em 33 Presidentesda Direcção, apenas teve um ligado ao Estado Novo: Mário Madeira.

No FC Porto é uma chusma deles ligados ao Fascismo! Presidentes da Direcção e em promiscuidade com cargos como deputados da União Nacional:
Urgel Horta Ângelo César Augusto Pires de Lima Cesário Bonito Júlio Ribeiro Campos Para lá de…

António Oliveira: O Benfica tem uma dimensão mundial muito grande

Novidade, apenas para desonestos e aziados!

"O Benfica é um clube com uma dimensão mundial muito grande. As pessoas ofendem-se quando, pondo de parte o meu portismo, digo isto: o Benfica tem mais dimensão mundial que Porto e Sporting juntos"

— António Oliveira, na RTP, 2012.





Play/Pause Não vale roubar o video!

Posts do momento

«Não estamos a falar de um jovem coitadinho. Estamos a falar de crimes! O resto é conversa»

O pirata informático Rui Pinto!
Desmontada a tese 'Robin Pinto dos Bosques'. Limpinho!
Debate: 'O Pirata Rui Pinto' (excerto de 15 min). Com Aníbal Pinto, ex-advogado de Rui Pinto; Manuel Rodrigues; André Ventura; prof. Rui Pereira.



Video:Play/Pause
"Não estamos a falar de um coitadinho. Estamos a falar de crimes cometidos por alguém extremamente inteligente, com meios e intenção de os praticar. O resto é conversa". (Manuel Rodrigues, ex-inspector da PJ)

«Nas Antas, até as mulheres dos dirigentes do FCP batiam nos árbitros»

A verdade sobre as Antas - um altar de medo, coacção e violência!
Nós temos memória



Arrepiante testemunho de alguém que, enquanto jornalista, fez cerca de 500 jogos no velho Estádio das Antas.
No célebre Porto 0, Benfica 2, (dois golos do César Brito), o árbitro Carlos Valente levou dois estalos da mulher do Reinaldo Teles, no túnel.
"O túnel das Antas - esse túnel tenebroso onde se simulava a sodomização dos árbitros e que foi um altar de medo, coacção e violência".





Calúnia é crime! Isto não pode passar em claro

A propaganda nazi tinha uma máxima: "é necessário repetir mil vezes uma mentira que acosse o inimigo, para que ela se torne verdade". Era o que dizia o senhor Goebbels, o sinistro ministro da propaganda de Hitler. Pinto da Costa, há anos que lê da mesma cartilha e usa os mesmos métodos.

Ora, os dragões, têm referido repetidamente que o Benfica ganhava no passado porque era "o clube do Regime" e agora o seu Chefe, intrujão, chegou ao desplante de dizer que era "o clube do Fascismo"! A calúnia é crime, meus senhores, e o Benfica devia pôr um processo a este senhor por difamação!

Fascismo (e FCP) Nunca Mais!

Pinto da Costa na Afurada



Play/Pause
Então não é que o FC Porto fundou o Estádio das Antas (anterior ao do Dragão) simbolicamente a 28 de Maio, dia da implantação do que viria a ser o Regime Salazarista, enquanto o Benfica inaugurou o seu no dia 1º de Dezembro, dia da Independência, e começou, aliás, com o Desfile dos operários?

Então não é que o FC Porto…

Pinto da Costa arrasado em directo

Neste video, Júlio Machado Vaz e Rui Oliveira e Costa, em resposta às declarações de Pinto da Costa na Afurada, colocam os "pontos nos is" relativamente à caluniosa tentativa de ligar o Benfica a qualquer Regime.




Play/Pause (não vale roubar o video!)
O Benfica é um clube centenário no qual a Democracia interna sempre existiu e sobreviveu, até mesmo no tempo em que ela não existiu no país (1926-1974) e em períodos conturbados da nossa história.

O SL Benficateve na sua Direcção homens como: Cosme Damião, Félix Bermudes, Manuel da Conceição Afonso, João Tamagnini Barbosa e Borges Coutinho, notórios democratas, homens de esquerda, sindicalistas e activistas. O Benfica, em 33 Presidentesda Direcção, apenas teve um ligado ao Estado Novo: Mário Madeira.

No FC Porto é uma chusma deles ligados ao Fascismo! Presidentes da Direcção e em promiscuidade com cargos como deputados da União Nacional:
Urgel Horta Ângelo César Augusto Pires de Lima Cesário Bonito Júlio Ribeiro Campos Para lá de…

António Oliveira: O Benfica tem uma dimensão mundial muito grande

Novidade, apenas para desonestos e aziados!

"O Benfica é um clube com uma dimensão mundial muito grande. As pessoas ofendem-se quando, pondo de parte o meu portismo, digo isto: o Benfica tem mais dimensão mundial que Porto e Sporting juntos"

— António Oliveira, na RTP, 2012.





Play/Pause Não vale roubar o video!